Placa informação

POLÍCIAS MANIFESTAM-SE A 28 DE JUNHO

26 de Maio de 2017

           

      No passado dia 20 de Abril, a Associação Sindical dos Profissionais da Polícia – ASPP/PSP – entregou um documento ao Primeiro-Ministro onde constavam um conjunto de reivindicações essenciais para os Polícias e para a qualidade do serviço prestado pela Instituição.

Foram várias as centenas de Polícias que quiseram fazer parte desse momento e acompanharam a delegação da ASPP/PSP até São Bento, com a esperança de que o Primeiro-Ministro daria a devida importância aos problemas mencionados. Na mesma altura, foi transmitido à opinião pública que os Polícias só esperariam até ao início do mês de Junho. No entanto, até hoje, nada foi comunicado e as questões continuam por resolver.

O Governo não pode tratar assim os Profissionais da Polícia. Não pode afirmar-se preocupado e nada fazer para resolver questões fulcrais que dizem respeito aos polícias e à PSP. 

O Governo não pode deixar, num momento delicado em matéria de segurança europeia, que os problemas se agravem e a instabilidade se apodere de uma Instituição central no equilíbrio da segurança do país. 

Nesse sentido, e porque a tutela demonstrou que não pretende ouvir os Polícias, a ASPP/PSP cumprirá o deliberado em Assembleia Geral e irá realizar uma Manifestação Nacional a 28 de Junho, em Lisboa, no sentido de os Polícias manifestarem a sua indignação pela forma como são tratados por este Governo e exigirem respostas concretas às suas reivindicações.

A DIREÇÃO DA ASPP/PSP